Globalização Conclusão

Conclusão sobre Globalização

O termo
globalização ficou nos últimos anos um termo super banal, mas é preciso saber o conceito e quais as suas implicações. Se você está procurando se informar sobre o assunto ou fazendo algum trabalho escolar, confira a seguir uma conclusão sobre globalização.

globalizacao-conclusao

A
globalização no seu termo é definido de diferentes formas, para os norte-americanos usam a expressão globalização, os franceses de outra forma e preferem mundialização a o termo globalização e em outras sociedades o termo usado é internacionalização. A globalização em seu termo mais básico é definida por três aspectos ou forças poderosas: revolução tecnológica, interdependência dos mercados financeiros em escala mundial e formação de áreas de livre comércio. Desta forma, a globalização pode ser definida como processo de integração do espaço mundial com o fluxo intenso de capitais, serviços e tecnologia entre os países, o que resulta em países cada vez mais interligados por transações econômicas com grande volume de capitais.

Mas, quando surgiu a Globalização? Para muitos historiadores a Globalização surgiu não na nossa era, mas remontam da época das grandes descobertas no século XVI com a descoberta de novos mundos e com o comércio entre estes novos mundos e o velho mundo (que até para época foram bem intensos). Outros historiadores afirmam que a Globalização remonta da segunda metade do século XIX quando as grandes economias capitalistas iniciaram a primeira grande onda de investimentos no exterior o que foi chamado de imperialismo. Já os historiadores modernos afirmam que globalização remonta dos anos 1980 quando os governos passaram a implantar programas econômicos neoliberal abrindo às portas de seus países para a entrada de capital e das mercadorias estrangeiras.

Independente de quando começou ou não a globalização alguns efeitos da mesma podem ser percebidos como os avanços tecnológicos, a interligação, a interdependência dos mercados financeiros na escala mundial e com encurtamento das distâncias que unificaram e baratearam a informação que está cada vez mais presente no cotidiano das pessoas. Por isso, diz-se que mundo está uma aldeia global, com estas informações em larga escala, as grandes empresas se instalando em vários países, os avanços cada vez maiores na informática e nas tecnologias, o grande fluxo de mercadorias, intercambio de informações entre outras características presentes em nosso cotidiano. A conclusão sobre a globalização é que ela traz muitos benefícios, mas também traz algumas consequências não tão agradáveis que temos observado atualmente como desempregos em larga escala que tem atingido não só os países em desenvolvimento como também os países desenvolvidos da América do Norte, Europa e da Ásia. Mas, o efeitos Globalização é diferente em cada país e traz consequências sociais de diferentes formas em cada realidade.

Leia Mais

Neoliberalismo O que é? – Conceito, Resumo

O que é Neoliberalismo?

Você já deve ter ouvido muito o termo
neoliberalismo, mas notavelmente não sabe o que se trata ou quer saber um pouco mais sobre, não é mesmo? O neoliberalismo está tão presente em nossa cultura que devemos saber o que se trata. Confira a seguir o conceito do neoliberalismo.

neoliberalismo

O neoliberalismo, como seu nome pressupõe é um
novo liberalismo clássico que é um corrente de pensamento mais moderna e que defende na parte política, a não participação do estado na economia, onde deve ter total liberdade de comércio o que garante maior crescimento econômico e desenvolvimento social do país. Daí vem o liberalismo do nome desta corrente ideológica presente na política, economia e na sociedade moderna.

Mas, vamos ainda conhecer a história do termo liberalismo que surgiu no século XVII através dos trabalhos publicados pelos filósofos John Locke e posteriormente, no século XVIII, o liberalismo econômico que ganhou força as ideias definidas pelo filósofo e economista Adam Smith. Dentre os princípios básicos do liberalismo estão: liberdade econômica (livre mercado), defesa da propriedade privada, mínima participação do Estado, igualdade perante a lei.

Já o neoliberalismo surgiu a partir da década de 1970 e que tem como diferença, uma economia pautada numa realidade econômica diferente dos séculos passados que é mais pautada pela globalização (limitações de fronteiras, grande fluxo de informações) e novos paradigmas para o capitalismo.

Entre as características do neoliberalismo que difere do liberalismo de outrora estão: livre circulação de capitais internacionais e ênfase na globalização; abertura da economia para a entrada de multinacionais; adoção de medidas de protecionismo econômico, posição contrária aos impostos e tributos excessivos que é uma consequência da diminuição do Estado, tornando-o mais eficiente; a base da economia neoliberal é a empresa privada; defesa dos princípios econômicos do capitalismo, pouca intervenção do governo no mercado de trabalho, entre outras características.

Apesar de se mostrar um sistema que visa crescimento e desenvolvimento é um sistema que sofre muitas críticas, pois esta política neoliberal beneficia somente as grandes potências econômicas e acaba esmagando as demais economias, como aquelas em desenvolvimento econômico, social e política. Estes países em desenvolvimento acabam sofrendo as consequências do neoliberalismo como desemprego alto, aumento gritante das diferenças sociais e dependência do capital internacional. Mas o neoliberalismo tem também seus pontos positivos como proporcionar o desenvolvimento econômico e social de um país que adotar esta política.

No Brasil o governo que adotou o neoliberalismo e que também foi de certa forma criticada por isso foi os dois governos de Fernando Henrique Cardoso que teve seus prós e contras, mas foi à época que o país mais cresceu, inclusive com uma moeda que ficou mais forte e competitiva.

Leia Mais

Globalização e as políticas neoliberais

Resumo de Globalização e as políticas neoliberais

A palavra
globalização é falada em demasia que muitas pessoas não sabem do que se trata, por isso é bom saber o que é se estas estão relacionadas e o que nos afeta. Confira a seguir a relação entre as políticas neoliberais e a globalização.

globalizacao-politicas-neoliberais

A globalização caracteriza-se pelo maior aprofundamento internacional da política, economia, cultura e de aspectos sociais das nações o que acarreta o barateamento dos transportes e comunicação dos países, desde o final do século XX e início do XXI.

Para muitos estudiosos a globalização não é só decorrente dos tempos modernos, mas tem origens na era das descobertas e viagens do Novo Mundo pelos Europeus e até afirmam que a origem da Globalização advém do terceiro milênio A.C, mas, que a globalização teve seu começo de auge no final do século XIX e início do século XX, com uma maior conexão das economias e culturas do mundo. Mas, nesta época o termo globalização não se podia ser dito e nem conhecido.

O termo Globalização se tornou mais popular na década de 1980 (século XX), mas especificamente no início dos anos 1990. O Fundo Monetário Internacional (FMI) em 2000 identificou quatro aspectos básicos da globalização: comércio e transações financeiras, movimentos de capital e de investimento, migração, disseminação de crescimento e movimento de pessoas.

A globalização como antecipamos aqui remonta de muitos séculos a longo da história, vem desde a época das viagens transatlânticas para o “novo mundo” das Américas e se desenvolveu no século XIX com o desenvolvimento das novas formas de transporte, como as ferrovias, os navios a vapor e as telecomunicações que permitiu maior intercâmbio global e de forma mais rápida. Já o início da Globalização moderna advém do fim da segunda guerra mundial quando as nações envolvidas diretamente que criaram mecanismos diplomáticos e comerciais para aproximar cada vez mais as nações uma das outras.

Já o neoliberalismo está presente nesta globalização mundial e caracteriza-se por um conjunto de ideias políticas e econômicas capitalistas e que defendem a não participação do Estado na economia por isso as suas características são: mínima participação do estado nos rumos da economia do país, política de privatização de empresas estatais, abertura da economia para a entrada de multinacionais; adoção de medidas protecionismo econômico; desburocratização do estado; diminuição do tamanho do Estado; posição contrária aos impostos e tributos excessivos, entre outras características que caracterizam o neoliberalismo e que fazem parte desta globalização que aproximam cada vez mais as fronteiras e as políticas. Esse foi um breve resumo sobre globalização e as políticas neoliberais, você pode se aprofundar mais sobre o assunto em livros de geografia e atualizadas.

Leia Mais

Globalização e seus efeitos

Efeitos da Globalização

O assunto Globalização é muito mais sério do que a gente imagina, mas nem sempre damos atenção máxima a esse assunto tão importante. Entenda, primeiramente, o que é Globalização, para que você depois possa analisar todos os impactos que a mesma pode causar. Esse assunto se diz respeito a processos de um mundo cada vez mais interligado, e sem fronteiras, onde pessoas tem acesso a informação a tempo real do que acontece em vários cantos do mundo. Como o próprio nome já diz é globalizar, e por isso que esse fenômeno chama muito a atenção das pessoas e dos pesquisadores, ainda mais de quem se preocupa com os pontos positivos e também negativos da mesma. Entenda a seguir quais são os efeitos da globalização.

globalizacao-efeitos

Analisando a Globalização e seus efeitos temos informações bastante uteis para mostrarmos para as pessoas, e alguns até mesmo preocupantes. Por isso que muitas pesquisas trazem informações sobre os dois pontos, tanto o negativo como também positivo. Esse assunto engloba muitas áreas de ensino, partindo desde a História, para que possamos compreender a origem ate aqui, como também a área e Administração e Negócios, que lida com inúmeras questões positivas e negativas sobre o reflexo da Globalização na presente sociedade.

Veja quais são os efeitos da Globalização:

• Integração entre países

• Diluição das fronteiras

• Aumento do comércio mundial

• Crescimento e desenvolvimento da Economia dos Estados

• Desigualdade e desemprego aumenta

Como já mencionado anteriormente os efeitos positivos da Globalização são muitos, mas não podemos descartar a existência dos negativos. E acima deixamos no ultimo tópico um ponto negativo para que você pudesse analisar, e ver que esse assunto mexe com muito mais coisas que nós imaginamos. Para você ter uma ideia a Globalização causa esse desemprego e desigualdade por que as empresas passam a querer competir mais, a produzir mais e com menor custo, cortando assim muita mão de obra que julga desnecessária.

Confira também: Resumo sobre Globalização

Redução de custos é algo frequente no mundo globalizado, onde as empresas querem muito mais lucro do que investir nos funcionários que tem. Por isso que sempre devemos analisar e estudar os dois lados, pro que os efeitos negativos da Globalização também existem, e temos que estar a par das duas. Daqui uns anos essa realidade estará mais gritante em nosso cotidiano, e cabe a nós ir amenizando os problemas de hoje para que o futuro seja menos competitivo e mais harmonioso de se trabalhar, e que com isso tenhamos menos problemas sociais e menos diferenças também em nossa sociedade e em nossa economia.

Leia Mais

Globalização no Brasil – Resumo

Globalização no Brasil Atual e suas consequências e efeitos

A globalização é algo que está presente em todo o mundo hoje em dia, isso não se pode negar. A mesma teve o seu auge principalmente com os diversos avanços tecnológicos que proporcionaram melhorias no meio de comunicação, esse foi um dos aspectos para que a globalização no Brasil se desenvolvesse acabando que por se tornando o que é hoje. Confira um resumo da globalização no Brasil e saiba os efeitos disso em nosso país.

Um dos países atingidos pela globalização foi justamente o Brasil que hoje em dia se beneficia e também sofre com as desvantagens da globalização mundial que atingiu o país. Saiba que a mesma pode oferecer diversos benefícios tanto a cultura brasileira como a nossa economia, mais em contraste a globalização sempre causa algo de desvantagem em qualquer que seja o aspecto citado.

Todos sabem que a economia brasileira é exposta ao mercado internacional, isso mesmo, pois o Brasil tanto importa como exporta produtos, dessa forma, tornando o país bastante ativo no mercado internacional e possibilitando a chegada de novos produtos no país.

Toda essa movimentação pode causar danos à economia brasileira, pois em muitos casos os produtos importados possuem preço muito baixo em relação aos nossos, dessa forma, leva a falência de muitas empresas causando assim muito desemprego no país. Além disso, o desemprego também é grande, pois com a globalização muitos estrangeiros bem qualificados se dirigem ao Brasil e o que mais as empresas buscam é mão de obra qualificada, seja ela brasileira ou estrangeira. Isso tudo é consequência da globalização no Brasil.

Na cultura também podemos destacar diversos tipos de benefícios. Por meio da internet, da televisão do cinema, através de uma música e demais meios de comunicação é possível que nós acompanhemos novas culturas e dessa forma conhecer um pouco mais de outros países. Por outro lado, muitas dessas culturas principalmente a norte-americana influencia bastante os jovens brasileiros, que acabam esquecendo a própria cultura brasileira.

Leia Mais